Gakuen babysitters é um anime tranquilo. Sim, essa palavra é uma das que resume bem essa obra de 12 episódios finalizada nesta temporada. E sim, a sinopse e o que o anime te entrega são coisas que afastam o público em geral, afinal, quem quer “perder” tempo com um anime cheio de “crianças catarrentas” que choram e fazem bagunça a rodo? Bem, eu e uma das minhas irmãs vimos ele por inteiro e por ter gostado, venho aqui tentar apresentar esse anime como uma opção interessante para passar o tempo.

Ler o artigo →

O anime de Mahou Tsukai no Yome adapta um mangá em lançamento com 9 volumes e que está saindo no Brasil pela editora Devir, uma compra que indico bastante caso você tenha gostado do que viu no anime. E do que se trata essa obra? Da jornada de crescimento pessoal de uma jovem garota, cuja existência foi permeada por tragédias relacionadas a magia dada a condição que ela herdou de sua família. Ela é uma Sleigh Beggy, alguém capaz de gerar e absorver grandes quantidades de magia. E é nesse cenário mágico, ao lado de uma criatura bastante peculiar, que começa a história de Chise.

Ler o artigo →

O esquecimento é realmente algo muito triste. Imagine que você convive com uma pessoa que tem Alzheimer, imagine que ela é um amigo ou familiar bem próximo, por mais seja ruim esquecer das coisas, quem sofre de verdade parece ser as pessoas que estão ao redor, pois elas sim lembram do que aconteceu. Imagine agora como foi para o Luke, Gina e principalmente para o Sword lembrar da Sophie por um ano e não a ter ao lado. Bom, que tenso, não?

Ler o artigo →

Como tivemos as Olimpíadas de Inverno na Coreia do Sul no início de fevereiro e que se estendeu por três semanas, para que o último episódio de Sangatsu não saísse em abril, eles decidiram lançar dois episódios na última semana de março. Eu fiquei totalmente injuriada por causa disso, já que Sangatsu teve que parar e Soul Hunter, não, mas isso não interessa agora, já que o anime encontra-se completo. Gostaria de dizer que os dois episódios foram lindíssimos, assim como o resto da obra.

Ler o artigo →

No mundo desse anime existem garotas que nascem “herdando” características e o nome de cavalos de outra dimensão(?), tendo orelhas e rabo de cavalo, assim como uma habilidade para correr muito acima da de um ser humano, sendo que, é óbvio que as orelhas e o rabo de cavalo foram inventados para vender muitas figures e se explorar ao máximo a imagem das personagens fofas dessa franquia.

Isso é um problema? Não exatamente, pois ou você vê o anime aceitando isso ou indico que nem veja, apesar dele ter tido, por incrível que pareça, uma boa execução e ter sido bastante divertido. Esses dois primeiros episódios foram bastante agradáveis e os indico para aqueles que gostam de moe, idols e um pouco do que de mais estranho o Japão pode nos oferecer: garotas idols cavalos.

Ler o artigo →