O anime chegou em uma parte crucial. Não, não só apenas porque está quase terminando a primeira temporada, mas também porque o clímax está aí. É a partir daqui que as melhoras de cada grupo são mostradas, principalmente do colégio de Takezou.

E pelo menos durante o treino, não só as habilidades, como também os laços de amizade cresceram. Kota, que mal conseguia acompanhar a galera, chegou a um ponto que a parte que ele mais errava finalmente acertou o ritmo, e assim se sentiu menos para trás quanto antes.

O dueto entre Takezou e Kudou também melhorou bastante. Antes eles mal conseguiam encaixar os seus sons, e agora, por causa de um conselho da boca para fora que o Shizuka deu para eles, finalmente chegaram a tal feito.

Ler o artigo →

E a guerra enfim começou. Depois de tudo o que estava acontecendo nos últimos episódios, o Duque de Hybranz finalmente executou seu plano de conquista. Bom, vale salientar que ele não está sozinho nessa, até porque a organização criminosa Arcame tem um grande papel nesse processo. Com isso, resta saber se a Dorothea e os imperialistas vão conseguir segurar os “revolucionários”.

Ler o artigo →

Ficar sozinho durante toda a vida é algo que assusta muita gente. Para escapar dessa situação as pessoas normalmente recorrem a relacionamentos amorosos ou de amizade. Existem os mais diversos motivos que levam a este estado de aparente vazio. No sentido oposto, se tornar excessivamente dependente do outro pode causar efeitos negativos. O equilíbrio é a chave para se evitar os extremos, ou seja, se faz necessário nos relacionarmos com o próximo, mas também é proveitoso tirarmos um tempo para estarmos sozinhos.

Ler o artigo →

Um episódio full sensei, mas com uns retoques de Asumi, que fizeram a coisa valer a pena, apesar das situações apresentadas, ao menos em sua maioria, terem sido apenas comédia boba e fanservice dos bons.

Acho que o próximo episódio pode ser mais interessante se aproveitar as deixas que esse deu e sei que o anime consegue isso sem abrir mão de seu besteirol típico. É hora de Bokuben no Anime21!

Ler o artigo →

Na verdade, na época em que vi Fruits Basket pela primeira vez, eu nem me ligava muito sobre o quanto chocolates poderiam pesar no bolso das mulheres no Dia dos Namorados no Japão. Ele é celebrado todos os anos no dia 14 de fevereiro, e as mulheres são praticamente obrigadas a dar chocolates para os homens, tanto aos que gostam, quanto aos colegas de trabalho, ou até mesmo aos que sentem um afeto beirando à amizade, se sentir coragem, é claro.

Eu me esqueci de colocar algo sobre isso no artigo anterior, porém atualmente parece que vem se discutindo se esse tipo de atitude é realmente necessária, principalmente porque pesa no bolso. No anime, mesmo que a época em que ele se passa seja diferente da de hoje, ainda se discutiu um pouco sobre o quanto pode se gastar com formalidades capitalistas para não pesar no orçamento.

Claro que Tohru tinha as melhores das intenções ao fazer chocolates para todos os que mais estima, sem ao menos ganhar algo em troca, porém pesou tanto nas despesas escolares que sua professora conversou sobre isso com ela, e até mesmo o seu avô se ofereceu para pagar o que estava sendo cobrado, mas a menina é forte e estava tentando resolver isso sozinha.

Ler o artigo →

Estamos vivendo um dos arcos mais tensos de Bungou Stray Dogs, se aproximando cada vez mais de seu fim. Com o plano de Fyodor, é possível sentir que o tempo está acabando e o conflito entre a Máfia do Porto e a Agência de Detetives Armados fica cada vez mais intenso, chegando a um duelo muito esperado. Quem vai sair vivo dessa?

Ler o artigo →

Ame-o ou o odeie. Não tem como eu usar esse ultimato para definir uma forma de encarar Zenitsu, o novo, mas nem tão novo assim, personagem de Kimetsu no Yaiba. Por que eu afirmo isso? Porque sei que o personagem é mais do que a primeira impressão que ficou dele. Mas, como estou comentando o episódio em específico, é com ele que devo me contentar para prosseguir minha análise.

Ele sequer foi o único novo personagem a dar as caras, é verdade. Mas o único que já é um personagem de fato, pois o cabeça de javali apenas foi introduzido de uma forma meio incomum, mas legal. Em todo caso, o anime continua ótimo e de agora em diante terá novos elementos. É hora de Kimetsu, no Anime21!

Ler o artigo →

Eu fui trollado pela morte não morte do Polnareff? Não exatamente. Tinha pego um spoiler faz muito tempo e não lembrava exatamente das circunstâncias, tanto que não sei o que acontecerá a seguir, e é de Jojo que estamos falando, então não duvido nada que ele acabe vivo, nem que acabe morto! De momento o melhor é comentar quão inusitado, engraçado e estranho, o quão Jojo, esse episódio foi!

Ler o artigo →

Oliveira era um nobre legal. Um bom nobre que se preocupava com seu povo e era totalmente contra as práticas que sua nação tinha. Era contrário à escravidão e almejava um país mais igualitário onde as pessoas teriam vidas mais felizes, assim como viu no Reino de Earlshide. Com essa premissa temos tudo aquilo que iniciou a queda do Império e a morte de milhões de pessoas.

Ler o artigo →