Estamos recrutando redatores, clique aqui e se candidate, vagas limitadas!

Posso apostar que me enganaram. Eu não vi 20 minutos de Tsuki ga Kirei esta semana, não mesmo. Esse episódio foi tão bom que eu nem senti passar. Ele começa com todos os alunos no aeroporto esperando a checagem dos professores para partirem na viagem escolar, quando o Azumi vê a Mizuno e se lembra de sua resposta da pergunta que ele fez no final do terceiro episódio:”Não sei… Me dê um tempo para pensar”, e desde então não conseguem se falar. Depois da abertura estamos com os alunos no meio da checagem de malas feita pelos professores para achar celulares ou portáteis, alguns eles acham mas outros estão escondidos em pacotes de batatinha, por exemplo. Genial.

Medo

Já no templo que vão visitar, quando a Akane tira sua sorte ela diz, na parte dos relacionamentos, “Ambiguidade traz calamidade”. Depois de algumas exibições do lugar, algumas com 3D, somos levados a Akane e a sua amiga fofa (não lembro o nome dela então será sempre amiga fofa da Akane), que estão comprando lembrancinhas pro clube e o Azumi aparece, a fofa vai falar com ele para pedir sua opinião e a Mizuno sai correndo de lá para não o ver. Depois de algumas descontrações, no quarto do hotel, Akane conversa com suas amigas sobre namoro e afins, como diz ela, e fala estar interessada em alguém mas não consegue falar quem, suas amigas logo empurram o Hira. O Azumi cria coragem e puxa assunto com a Akane no LINE, eles têm uma conversa de umas 5 mensagens e ele cria coragem para convidá-la para sair, mas quando está escrevendo a mensagem seus amigos tentam pegar seu celular. Na tentativa de esconder a conversa, ele corre pra fora do quarto, manda a mensagem dizendo a hora e o local para a Akane e o professor o pega no flagra, confiscando seu celular.

Shingeki no professor

A Akane fica preocupada com o fato dele não respondê-la mais e fica na dúvida se deve ir ou não, mas as suas amigas acabam sendo compreensivas, parando de fazer perguntas e a deixando só. Ela chega no local marcado, um lugar chamado Doimaru, que tem várias franquias na cidade. O Azumi procura, debaixo de chuva, em todas mas não a acha, mas em um momento ele encontra a amiga fofa e cria coragem para pedir seu celular emprestado. Quando está na sua frente não consegue perguntar o número da Akane, mas ela entende dizendo ser óbvio o que ele quer e  ele remarca o local de encontro. Quando o Azumi chega no local eles têm uma conversinha em que a Akane deixa a entender ter ciúmes da Chinatsu (amiga fofa, lembrei o nome) por estarem muito próximos. Ela reclama com ele por se atrasar e durante a conversa diz querer conversar mais com ele. O Azumi pergunta se isso é a sua resposta e a Mizuno responde que sim.

O artigo foi curto sim, afinal o episódio foi só isso mesmo. Queria destacar novamente os mesmos pontos de todos os episódios, trilha sonora e direção de arte, ambas magníficas. Eu estou sem palavras com esse anime e acho que os japoneses, que tem a cultura representada perfeitamente no anime, devem estar amando mais ainda. Acho genial como mesmo sem os protagonistas falarem muito (até com a gente que assiste) eles têm personalidades fortíssimas. Esse ciúme da Akane deu uma pitada especial no capítulo; O Azumi correndo na chuva mostrando respeito para com a Mizuno me fez pensar “Que homem”. Eu vou deixar no final do artigo algumas imagens das partes onde a arte se destaca, deem uma olhada rápida antes de saírem.

  1. Gente no ultimo episódio me deixei levar pelo vinho e pela minhas lembranças…Desculpe!!!
    Mas não é que…O que aparece?
    A “Tokyo Station” em Marunouchi!!!! Maravilhosamente desenhada e em detalhes impressionantes. Já estive algumas vezes nessa estação (e não se engane ela é enoooorrrmmeeee!!! Dá para ficar perdido nos seus subterrâneos).
    Voltando ao ep. está muito legal esse anime…Leve (mas tem consistência), sem grandes surpresas (afinal é um romance) e extremamente agradável de assistir (com representação cenografica magistral). Kyoto ficou maravilhosa!
    Bem no mais é isso o anime foca na capacidade dos dois se comunicarem via rede social, mas não via “tete a tete”. A Akane está com ciuminho da Chinatsu (ela é uma graça!) e emparedou o Azumi, que vai ter de sair de sua “zona de conforto” de qualquer forma.
    O bom desse ep. é que teve mais “feauterettes” no final (aquela professora apaixonada pelo Roman e o casalzinho sempre rendem boas piadas). O duro é ainda ter de esperar uma semana pelo novo ep.!!!

Comentários