Estava muito estranho que o Lopmon estivesse recebendo tanta atenção, para alguém sem importância aquilo era atenção demais. E depois do que foi revelado aqui até acho que ele teve é atenção de menos. Mesmo que ele não apareça mais daqui para frente as suas revelações foram muito importantes para a obra.

Ler o artigo →

Após de tantos anos passados Eren Yeager e Reiner Braun se encontram cara a cara novamente. Da última vez que eles se viram o Reiner era o vilão da história. Mas dessa vez os papéis parecem ter se invertido. Na verdade eu discordo dessa afirmação, não apenas da situação se inverter como do fato do Reiner ter sido o vilão. Da mesma forma o Eren nunca foi o herói. E depois do que fez nesse episódio nunca mais será.

Ler o artigo →

Back Arrow já começa com ação e uma ação cheia de informação. Importante para toda história que se baseia em tantos elementos diversos como é o caso de Back Arrow. Há muitas formas de se passar informações, a mais simples delas foi a que o anime escolheu. Apenas diga as coisas com clareza e tudo está resolvido. Claro que ser expositivo sempre tem os seus problemas mas é um recurso tão útil que toda obra utiliza-se dele em diversos momentos.

Ler o artigo →

Logo de cara “Kai Byoui Ramune” conseguiu captar a minha atenção devido a sua ideia. Eu diria até que o anime tem tudo para ser um dos melhores da temporada. Histórias de pessoas diferentes que compartilham o envolvimento do sobrenatural e possuem um grande foco no elemento psicológico para a resolução dos seus problemas. Até lembra “Monogatari” mas na verdade a comparação é absurda. Curioso para entender qual é a do anime? Então vamos ao episódio.

Ler o artigo →

Eis o anime mais bombástico dos últimos tempos, tão diverso e fora do campo mínimo do aceitável que consegue ser surpreendente. Nessa resenha de primeiras impressões tenho a tarefa de demonstrar o quanto esse anime é sincero e cumpre exatamente o que promete.

Ler o artigo →

Seis minutos! Cena de beijo após apenas seis minutos! Seria esse um novo recorde? Mesmo que não, essa é para quem acompanha animes de romance, até aqueles ruins de dar dó, só na esperança de rolar alguma coisa e no final nada acontecer. Então pode abrir aquele sorriso, esse é para você.

Ler o artigo →

Otona no Bouguya-san voltou com tudo para sua segunda temporada, agora na Crunchyroll e com extras para lá de peculiares que levaram o anime de 3 minutos a cerca de 10 (mas dá para ignorar o segundo bônus). O que há na história? A continuação das aventuras de Kautz e cia. Agora com a Rei Demônio como figura cativa e a adição de uma armadura falante. Além disso, tem zoeira de duplo sentido, o que não poderia faltar nesse anime.

Ler o artigo →