O que é música para você? Será que é algo que se possa viajar em meio a várias partituras? Algo que o faça se maravilhar em um mundo completamente diferente? Ou simplesmente algum barulho contagiante que te faz dançar?

São diversas interpretações do que realmente é música. Mas vamos a três significados descritos no dicionário Michaelis:

 

  1. Arte de expressar ideias por meio de sons, de forma melodiosa e conforme certas regras.
  2. Composição harmoniosa e envolvente de sons.
  3. Obra musical.

 

Essas são as três definições mais comuns do que é música. Mas eu vi uma definição que cabe melhor em Koto:

 

  1. Lamentação prolongada e incomodativa; choro, lamúria, manha.

 

Digo que combina mais porque muitas composições de Koto funcionam como se fosse uma lamúria. Mas é, ao mesmo tempo, uma combinação de um som bonito e envolvente. Um tipo de música que nos leva para um mundo feminino e poético.

E por que eu comecei o artigo dessa maneira? Ora, porque se formos avaliar diversos tipos de música, claro que um estranharia o outro, e foi exatamente isso que o Clube de Música Leve fez com o Clube de Koto, e o que a Hozuki avaliou como sendo a Música Leve: apenas barulho.

Ler o artigo →

Angela

Bom dia!

No editorial da semana passada eu recapitulei as primeiras impressões que já haviam sido publicadas no Anime21. Eram poucas, porque a maioria dos animes estreou no fim de semana imediatamente anterior e não houve tempo hábil para que redigíssemos os artigos.

Uma semana se passou e agora praticamente todos os animes já estrearam, bem como já tiveram seus artigos de primeiras impressões publicados. Acho que estamos apenas no aguardo de Ataque dos Titãs, que no momento em que esse editorial é redigido ainda não estreou.

Então nesse artigo irei listar todas as 17 primeiras impressões de animes da temporada de abril que publicamos nessa última semana. Dá uma olhada se você perdeu algum!

Aproveito também para informar sobre as mudanças que teremos em algumas de nossas colunas. É coisa pouca.

Ler o artigo →

É normal ver clubes de músicas em determinados animes escolares. Geralmente, é o conhecido “Clube de Música Leve”, que nem tem em K-On. Porém “Clube de Koto” é a primeira vez que vejo. Eu fiquei curiosa para saber o som do instrumento, então quando comecei a ler o mangá, logo fui pesquisar.

O som do Koto é o que normalmente escutamos quando tem um anime mais tradicional, e até mesmo em alguns jogos envolvendo cultura japonesa. Ele é um instrumento de cordas, possuindo cerca de 1 metro e 80 centímetros de largura. O instrumento mais moderno costuma ter 13 cordas, porém também tem uma versão com 17.

Ele possui um som calmo e gracioso e é tocado majoritariamente por mulheres. Tanto que, no início do anime, vemos que a maioria das pessoas que faziam parte do “Clube de Koto” eram mulheres, e Kurata surgiu lá, guiado pelo som que tanto amou.

Ler o artigo →