Como em toda a temporada anterior e em sua estreia de segunda temporada, Mob Psycho 100 continua nos surpreendendo! E não é à toa se pesar as seguintes características: autor original, estúdio e roteiro. Querendo ou não, de um modo ou de outro, cada episódio toca num ponto importante da psique humana trazendo assim reflexão, sem deixar, é claro, o bom humor.

Ler o artigo →

Olá minha gente! Continuando de onde paramos no episódio anterior, aqui vemos Mei se adaptar um pouco melhor a sua nova realidade e chegando a novas conclusões sobre o que pretende fazer tendo em vista essa situação. Mori Ougai e Shunsou são os rapazes da vez e os “guardiões” da nossa protagonista nesse começo de sua passagem pelo passado, o que os aguarda?

Ler o artigo →

Bom dia!

É necessário assistir a primeira temporada do anime para assistir Kemono Friends 2? Não.

Resposta longa: nesse episódio não precisou. Por razões que vou desenvolver noutros pontos desse texto, tenho motivos para acreditar que não será preciso saber uma única vírgula do lore da primeira temporada. A tendência é tudo o que for necessário ser explicado de novo, textual ou visualmente.

Mas se ao invés você me perguntar:

Devo assistir a primeira temporada de Kemono Friends? Sim!

Resposta longa: Kemono Friends é um anime muito bom, e só por isso já vale a pena ser assistido. Se ainda por cima estiver assistindo ou pretendendo assistir essa segunda temporada, terá mais motivo ainda para assistir a primeira.

Por razões ainda não plenamente compreendidas (não engulo que foi só porque publicaram um vídeo original no Twitter), o diretor Tatsuki e toda a sua equipe foram demitidos pela Kadokawa quando a segunda temporada já estava com sinal verde para entrar em produção.

A equipe da primeira temporada produziu um anime incrível para uma franquia que estava tão desacreditada e abandonada que o jogo no qual o anime se baseava em primeiro lugar havia sido tirado do ar meses antes do anime estrear. E Kemono Friends foi um fenômeno. E os responsáveis por isso demitidos. Qual o sentido?

Enfim, deixe-me cumprir a missão de relatar o que vi e achei desse primeiro episódio.

Ler o artigo →

Que episódio foi esse de Neverland, hein? O joguinho psicológico entre a Mamãe e suas crianças teve seu início. Quem sairá vitorioso no final? Se sobreviver é vencer, como fugir com 38 crianças para um mundo dominado por Demônios? A Mamãe permitirá tal rebeldia? É hora de Neverland no Anime21!

Ler o artigo →

Subaru e Haru continuam levando adiante sua vida de descobertas e partilhamento juntos, apesar do escritor ainda não ter dado esse nome oficial a ela até o presente momento. Ele continua sem entender uma série de coisas sobre os seres viventes, em especial a sua gata, mas do seu jeito ele continua tentando e nesse episódio vemos mais um capítulo desse par tão estranho.

Ler o artigo →

Depois de entrar numa péssima situação, Naofumi comprou uma aliada. E sim, é entendível que ele tenha feito isso, ainda mais depois daqueles acontecimentos e considerando o que vem por aí. A onda será um evento difícil de superar e ele precisa urgentemente de aliados, assim como seus “companheiros” heróis têm. Mas o que lhe restaria fazer para obter um(a) aliado(a) num país onde as pessoas te odeiam e temem? Exato, recorre a uma forma nada positiva.

Ler o artigo →

Existem diversos jogos de Visual Novel.

Mas afinal, o que é isso?

São jogos focados no enredo, onde a história é guiada por textos, imagens e/ou músicas. A maioria é feita com personagens fictícios, apenas alguns são gravados com atores reais. Eles são divididos por rotas, ou seja, você escolhe as falas que acha compatíveis com determinadas falas e vai seguindo um determinado caminho até um final, sendo ele ruim ou bom, ou ainda neutro. Para mais detalhes, clique aqui.

Mas por que estou falando disso? Porque Kitarou recebeu um treinamento sobre romance a partir de um jogo Visual Novel, protagonizado por uma personagem parecida com a Nekomusume, que o Nezumi Otoko cedeu. O aparelho, parecido com um Game Boy Advance, estava com a tela trincada, marcando o jeito descuidado do Homem Rato. Claro que nada escaparia de sua imundice, certo?

Ler o artigo →

Até agora esse foi disparado o melhor episódio do anime! E nem afirmo isso porque o Seiya apareceu nele, mas porque a Shoko tomou sua decisão! Até me retrato, pois, pelo mangá não me recordava do quanto a aparição dele tinha sido legal. Eleve seu cosmo ao máximo e me acompanhe nessa jornada!

Ler o artigo →

Produzido pelo estúdio Diomedea, a obra possui um mangá de mesmo nome escrito pela autora Sasuga Kei, também autora do ótimo mangá Good Ending. Com uma história de drama e romance, Domestic na Kanojo ou Dome x Kano, segue a história de Fuji Natsuo e as mudanças que começam a ocorrer em sua vida. Desde a sua perda da virgindade até a mudança do que ele poderia considerar como família, Natsuo passa por mudanças drásticas em sua vida que parecem cada vez mais se complicar.

Ler o artigo →