Gotobun no Hanayome é publicado desde 2017 pela revista Shounen Magazine (Fairy Tail, Nanatsu no Taizai, Domestic na Kanojo, etc). Atualmente conta com 9 volumes e tem em torno de 80 capítulos (76 em português). O anime acabou recentemente e tivemos uma adaptação fiel e que não foi muito longe no material original. Esse artigo servirá para você ter um norte em relação à leitura do mangá e claro, ter uma prévia do que encontrará nele (vulgo spoilers leves).

Ler o artigo →

Apesar da encheção de linguiça no final com aquele casamento mixuruca que não mostrou nada relevante, tivemos um ótimo final. O anime deu seus vacilos aqui e ali, mas, no quesito história, não decepcionou e em seu episódio final isso não mudaria. Fuutarou enfim conseguiu uma relação interessante e promissora com as cinco, ainda que precise resolver algumas questões e ganhar de fato a confiança delas, em especial da Itsuki que soltou umas pérolas nesse episódio.

Ler o artigo →

Mas que belo episódio, hein. Visualmente tivemos algumas cenas muito bonitas, os acontecimentos foram bem interessantes e no fim, quase todas as garotas tiveram seu momento de destaque. Podemos concluir facilmente que esse foi o melhor episódio até agora em todos os sentidos. Lembra daqueles episódios em que o visual estava bem mediano e a história conseguiu salvar um pouco? Pois bem, esse me fez esquecer tais momento de tão bom que foi.

Ler o artigo →

Fuutarou está numa enrascada. Teoricamente, está comprometido com a Nino e com a Ichika para a dança na fogueira. Além disso, está preso com a Ichika dentro de um armazém. Ou seja, não bastava ele estar cansado de trabalhar, tinha que ficar preso num local onde provavelmente irá passar muito frio e não irá conseguir descansar. No fim, cada vez mais vemos que nosso querido protagonista está conseguindo se entrosar com as garotas e assim, conseguindo um nível de cooperação melhor.

Ler o artigo →

De todos os episódios, esse conseguiu ser o pior com sobras. Foi divertido, assim como os outros, mas tem utilidade zero para ser franco. Fuutarou, com uma certa resistência tsundere, não conseguiu escapar da viagem escolar e as garotas vêm considerando ele cada vez mais de maneiras diferentes. Claro que ainda falta muito para que exista uma cooperação decente e o clima no geral vem sendo tranquilo até demais depois das últimas provas. Aliás, até teve um momento interessante, mas no fim das contas, não vai dar em nada.

Ler o artigo →

E tivemos um episódio bem legal no fim das contas. Sinceramente eu estava curioso sobre o que estava por vir e confesso que me diverti. Yotsuba liderou a primeira parte com seu carisma e na segunda parte, Nino foi a grande estrela, trazendo à tona alguns detalhes importantíssimos sobre o passado das quíntuplas e do próprio Fuutarou. Infelizmente o choque dessas descobertas não impactam na obra pois Fuutarou não viu as fotos das meninas mas acredito que eventualmente essa bomba vai ser lançada.

Ler o artigo →

Muitas mentiras foram contadas nesse episódio. Na verdade ele funcionou com elas em sua base e em todos os casos foi com boas intenções. E obviamente esse tipo de “solução” está longe de ser ideal, sendo que nesse caso houve sorte de que todas elas não foram um tiro pela culatra. De qualquer forma Fuutarou conseguiu se livrar de um grande problema com uma ajuda não tão inesperada quanto poderia ser e no fim, continuará tendo que lidar com esse trabalho de ensinar suas “parceiras”.

Ler o artigo →

Até então Fuutarou estava tendo uma vida tranquila. Tinha a obrigação de ensinar as garotas mas nenhum teste havia sido aplicado e por isso não havia nenhum senso de urgência, ainda mais considerando que um possível fracasso era o mais provável. Agora, no entanto, a situação tornou-se delicada e para complicar ainda mais ele não tem controle algum sobre a situação como um todo e o tempo é seu inimigo, sem contar que as próprias garotas não parecem ter a mínima noção da situação em que estão metidas.

Ler o artigo →

Fuutarou deu algumas mancadas no episódio passado por ser um tapado e não pensar direito na situação em que estava. Dessa vez ele tratou de consertar isso, começando com uma mudança de discurso claramente necessária e importante para não piorar ainda mais a sucessão de erros que ele havia cometido. E no fim, tudo deu certo por linhas tortas, onde as quíntuplas não alcançaram seu objetivo como imaginavam, mas não deixaram de alcançar. Sim, a frase pode ter ficado confusa mas o importante é saber que no fim tudo deu certo e todos saíram felizes com o resultado.

Ler o artigo →

Fuutarou às vezes consegue algumas proezas no mínimo engraçadas. Mesmo em ações acertadas, o jovem tutor consegue cometer erros sequenciais que deveriam ser repreendidos, o que não ocorreu. No mais, o episódio acabou não sendo tão bom quanto os anteriores, ou melhor, não aconteceu nada e a parte visual deixou a desejar em várias cenas. Por isso, não houve progresso algum, apenas uma cena final interessante que nos leva a ter curiosidade sobre a sequência.

Ler o artigo →