Novamente me peguei com um sentimento de que o vilão da série tem uma ligeira semelhança com um certo alguém de Yu Yu Hakusho, afinal já vimos em algum outro lugar alguém declarar que está a utilizar tal porcentagem de seu poder? Se sim, comenta. Se não, balança a cabeça que sim.

Neste episódio final, acompanhamos a segunda parte do desenvolvimento e em seguida o desfecho da batalha final entre herói e vilão. A tão aguardada batalha final.

Ler o artigo →

Kaguya-sama é um anime produzido pelo estúdio A-1 Pictures como também é a adaptação do mangá de mesmo nome. Com os gêneros de romance, comédia e psicológico, a obra retrata a guerra entre dois gênios que buscam apenas uma coisa: vencer no amor. O problema é que essa vitória no amor vem de um conceito um pouco “estranho” em que aquele que se confessa será submisso e o que recebeu a confissão, torna-se o “grande ganhador”. E com essa guerra no mínimo curiosa, tivemos uma ótima estréia sobre essa obra que eu particularmente tanto gosto (escrevi uma resenha sobre o mangá também).

Ler o artigo →

Este ano de 2019 está trazendo muitas novidades, sejam elas boas ou ruins. Não é a primeira vez que tem o remake de algo e nem será a última.

Desta vez, nesta temporada de primavera/outono, tem o anime que eu e mais um monte de gente estávamos esperando: Fruits Basket. Esta obra, adaptada do mangá com o mesmo nome, lançado entre 18 de Julho de 1998 e 20 de Novembro de 2006, teve a sua adaptação lançada entre 5 de Julho de 2001 a 27 de Dezembro de 2001. Lembrando que já fiz um artigo discorrendo sobre o que acho sobre o anime antigo.

Agora, depois de 17 anos e uns quebrados, Fruits Basket está refazendo a sua presença, com um novo design de personagens (mais bonito, inclusive), com novos dubladores (acho que a voz atual do Yuki é mais presente que a antiga) e pequenas mudanças, mas para a melhor!

Ler o artigo →

Assunto de Família é um filme lançado em 2018 que conta com a direção de Hirokazu Koreeda. A produção foi a vencedora da Palma de Ouro no Festival de Cannes e foi indicada ao Oscar de melhor filme estrangeiro, mas não levou a estatueta.

E do que trata esse filme? De família. Mas não de qualquer família e sim de uma muito diferente do retrato confortável que muitas vezes a ficção propõe. No filme nos é apresentada uma visão intimista e sem pré-julgamentos que encanta ao mesmo passo que nos lança de cabeça ao conflito.

O que realmente é uma família?

Ler o artigo →